Igrejas querem mostrar Jesus a crianças ucranianas e levar 50.000 a retiros

spot_img

Mais lidas

As crianças vão brincar e ouvir o Evangelho, muitas pela primeira vez.

Uma missão pretende levar 50.000 crianças vulneráveis, incluindo aquelas afetadas pela guerra na Ucrânia, a uma experiência de acampamento “que mudará sua vida”.

A Slavic Gospel Association, com sede em Illinois (EUA), está fazendo uma parceria com milhares de igrejas locais para promover retiros em mais de 600 locais para crianças abandonadas, órfãs, em situação de pobreza e vítimas de guerra.

Quase dois terços das crianças ucranianas fugiram de suas casas desde a invasão da Rússia, de acordo com a ONU.

A associação cristã espera que o número de acampamentos aumente enquanto milhares de famílias ucranianas deslocadas buscam refúgio em igrejas evangélicas na Polônia. Os líderes esperam que 10.000 crianças a mais do que no ano passado participem dos acampamentos.

Alegria verdadeira

“O acampamento de verão é uma oportunidade única para as igrejas locais tirarem as crianças do caos de suas vidas e mostrar a elas o amor de Deus”, disse o presidente da SGA, Michael Johnson, que acabou de voltar da Ucrânia. 

“Muitas [crianças] são de lares de risco, esquecidas, negligenciadas ou abusadas. Elas estão lidando com um desespero emocional inimaginável e, para algumas delas, o terror da guerra também”, acrescentou.

As crianças vão brincar e ouvir as boas novas da Bíblia, muitas pela primeira vez em suas vidas. Elas também receberão Bíblias em seu próprio idioma.

“Eles vão experimentar a alegria verdadeira e o cuidado e a compaixão dos cristãos locais”, disse Johnson.

Centros ateus viram acampamentos evangélicos

Alguns dos acampamentos administrados pela igreja são realizados nos mesmos terrenos que os “campos de pioneiros” ateus nos dias da antiga União Soviética, revela Johnson: “Isso mostra o poder de Deus para transformar nações e mudar vidas de maneiras que não podemos imaginar”.

Johnson informa que, no ano passado, mais de 3.300 crianças responderam ao Evangelho nos acampamentos e quase 3.000 começaram a frequentar igrejas perto de suas casas. 

Um pastor lhe disse que sua igreja estava cheia de crianças que trouxeram seus pais com elas. “A fome espiritual e a necessidade são tão profundas”, disse Johnson.

Um campo localizado perto da usina nuclear de Chernobyl, na Ucrânia — local do pior desastre nuclear civil do mundo na década de 1980 — no ano passado recebeu crianças que sofriam de câncer e defeitos congênitos ligados à precipitação radioativa.

Sobre a missão

Fundada em 1934, a Slavic Gospel Association (SGA) ajuda órfãos, viúvas e famílias “esquecidas” na Rússia, nos antigos países soviéticos da Europa Oriental, na Ásia Central e imigrantes de língua russa em Israel — cuidando de suas necessidades físicas e compartilhando o Evangelho de Jesus Cristo. 

A SGA apoia uma extensa rede de base de pastores missionários evangélicos locais e igrejas em cidades e vilas rurais em toda esta vasta região.

Por Guiame

- Propaganda - spot_img

Últimas Noticias

- Propaganda -