Viciada rouba Bíblia de carro e se converte após ler: “Acabou salvando minha vida”

spot_img

Mais lidas

Jamianne Roy costumava entrar em veículos para furtar pertences e vede-los para sustentar seu vício em drogas.

O roubo de uma Bíblia que estava dentro de um carro, acabou transformando a vida Jamianne M. Roy. Depois de ler alguns textos das Escrituras, ela decidiu entrar em um programa de recuperação de vícios no Arizona, EUA.

Jamianne era viciada em metanfetamina desde os 18 anos, o que a levava a invadir veículos em busca de dinheiro e itens valiosos para vender e sustentar seu vício. Em uma das vezes, pensando que havia roubado um laptop, ela acabou levando uma Bíblia para casa.

“A única coisa que roubei e que achei que não tinha valor acabou salvando minha vida”, testemunha Jamianne, de 40 anos.

Ela conta que se tornou viciada em drogas ainda na adolescência, ao se envolver com um grupo errado. Aquelas pessoas a apresentaram a cigarros, álcool e maconha.

Em outra escalada, Jamianne passou a usar metanfetamina. Isso logo após dar à luz sua filha, Kailianne.

“A primeira vez que experimentei metanfetamina, gostei”, lembra a mulher. “Infelizmente, isso exige muito de você.”

Destruição de relacionamentos

O vício acabou tirando a capacidade de Jamianne ser mãe. Ela deixou sua filha aos cuidados de seus pais para que ela pudesse continuar com as drogas.

Mesmo tendo ficado sem usar as substâncias durante a gravidez de sua segunda filha, Esmeralda, sua sobriedade terminou quando o pai da menina foi embora.

Depois disso, Jamianne se mudou com sua caçula Esmeralda para Tucson, Arizona, para morar com seus pais e a filha mais velha, Kailianne. Durante um tempo, ela se saiu bem, mas uma sensação de vazio a levou de volta ao vício, conta. Jamianne acabou abandonando sua família e enviou Esmeralda para morar com seu pai.

“Tentei fugir dos meus problemas, mas você não pode fugir de si mesmo”, diz Jamianne. “Se você não preencher esse vazio, ele o alcançará.”

Prisão

Sem enxergar saídas em uma vida sem os vícios, ela começou a fumar crack e a namorar seu traficante. Eles moravam juntos até que a polícia invadiu sua casa. Jamianne e o traficante foram presos.

Depois de cumprir pena, ela retornou a Spokane e reacendeu seu relacionamento com o pai de Esmeralda. Os dois usavam e vendiam drogas juntos enquanto moravam com filha em uma garagem sem água encanada.

O Serviço de Proteção à Criança interveio e tirou a custódia de Esmeralda de Roy. Depois de dois anos em um orfanato, um casal da escola de Esmeralda a adotou.

“Quando você está viciado, só pensa em quando pode ficar chapado novamente”, diz Jamianne. “Você ama seus filhos, mas não pensa em como isso os está machucando.”

A dor de não ter nenhum de seus filhos levou Jamianne à prostituição e ao roubo para sustentar seu vício. Foi quando ela, sem saber, roubou uma Bíblia do Celebrar a Recuperação de um automóvel. Jamianne finalmente decidiu abrir o livro furtado.

“Li histórias de como Deus ajudou pessoas como eu”, lembra Jamianne.

Ela voltou ao seu hábito de tentar se drogar, mas depois de ler as Escrituras, Jamianne diz que começou a sentir emoções pela primeira vez em muito tempo. Ela escreveu uma oração pedindo a Deus que a ajudasse.

Resposta de oração

Ela diz que a resposta às suas orações veio na forma de um telefonema. Seu irmão, que morava em Tucson, ligou para dizer que achava que Jamianne poderia precisar de alguma ajuda do “Arizona Teen Challenge” (Desafio Jovem de Arizona). Ele se ofereceu para comprar uma passagem de ônibus para Tucson para que ela pudesse entrar no programa.

“Foi a primeira vez que fui honesta sobre meu vício com alguém da minha família”, diz Jamianne. Embora seus pais percebessem que ela lutava contra as drogas, eles não tinham ideia da extensão de seus problemas.

A sobriedade dela começou quando embarcou em um ônibus para Tucson em fevereiro de 2015. “Orei o tempo todo”, lembra.

“Jamianne entregou a Deus tudo o que podia dar durante o programa”, diz Jennifer L. Toro, diretora do centro Home of Hope, o Adult & Teen Challengecentro para mulheres e crianças. “Ela entregou seu coração a Jesus e Ele começou a transformá-la.”

Testemunho

“A Jamianne que Deus me criou para ser saiu durante o programa”, testemunha Jamianne.

Ela passou um ano no programa e participou de um estágio na Home of Hope depois de se formar. Em 2018, tornou-se coordenadora de relações públicas da Home of Hope.

Em 2021, Jamianne ingressou no escritório corporativo do Teen Challenge Arizona em Tucson como diretor de relações públicas para todos os cinco centros do estado.

Deus também trouxe restauração ao relacionamento de Jamianne com suas filhas.

Jamianne Roy e Tavis Tessler vão se casar em junho. (Foto: Reprodução / AG News)

“A Bíblia fala sobre como Deus restaurará o que o inimigo tomou”, diz ela, “Ele restaurou esse tempo de volta para nós”.

Kailianne e Esmeralda serão damas de honra do casamento de sua mãe em junho com Tavis Tessler. Eles se conheceram enquanto participavam das reuniões do Celebrar a Recuperação.

Por Guiame

- Propaganda - spot_img

Últimas Noticias

- Propaganda -