Jovem abandona uma década de drogas para servir a Deus: ‘Ele me tirou da escuridão’

spot_img

Mais lidas

Nicolas Davis mudou quando ele teve a chance de trocar uma pena de 8 anos de prisão pela reconstrução de sua vida no programa cristão “Desafio Jovem”.

Ainda na adolescência, Nicolas Kahleel Lamar Davis começou a consumir drogas. Ele tinha 13 anos, e o resultado provocado pelas substâncias em seu organismo foram dependência química e depressão.

Ao receber uma sentença de 8 anos de prisão, Davis pôde trocar o tempo atrás das grades por uma oportunidade de reconstruir sua vida no Teen Challenge (Desafio Jovem) do Arizona.

A partir de então, sua vida mudou. Davi encontrou a redenção em Jesus e hoje serve na equipe do Tucson Men’s Center.

“Eu brincava com a morte e não me importava, mas agora quero viver”, diz Davis, que agora está com 24 anos. “Tive muitos amigos que morreram ou foram presos. Sinto uma imensa gratidão de Deus porque Ele escolheu me tirar da escuridão”.

Nascido em Cleveland, Tennessee, Davi cresceu com pais cristãos, mas o vício em opioides o laçou em sua adolescência e fez com que ele perdesse um futuro promissor na primeira divisão de basquete.

O uso de drogas fez Davis abandonar os estudos e começar a roubar, levando-o a uma série de problemas pessoais. As relações familiares se romperam e menino entrou e saiu dos tribunais juvenis. Ele abandonou a faculdade e, finalmente, perdeu a esperança no futuro.

“Às vezes eu orava para Deus tirar minha vida porque não via uma saída”, lembra ele. Davis tentou vários programas de reabilitação de drogas juvenis, mas continuava sendo um usuário.

Segunda chance

O fundo do poço chegou com vício em heroína e potencialmente vários anos de prisão. Mas um caminho para uma vida nova se abriu quando um juiz perdoou a sentença de Davis se ele concordasse em ser internado no Tucson Teen Challenge para um programa de recuperação de 13 meses.

Lá, Davis passou horas em oração e estudo bíblico, apegando-se especialmente a Isaías 55:7-8 e Salmo 120:1 – versículos de correção e esperança.

“Nos primeiros meses, eu ainda tinha dúvidas de que poderia mudar”, diz ele. “Eu sabia o certo do errado, mas ainda assim era como se eu estivesse lendo a Palavra pela primeira vez. Minhas orações ficaram tão pessoais e comecei a ganhar esse relacionamento inexplicável com Deus. Comecei a mudar e depois de um tempo, pensei, talvez eu possa fazer isso.”

Davis começou a restaurar seus relacionamentos danificados e voltou para a faculdade. Sua vida deu uma reviravolta tão grande que velhos amigos passaram a ver Davis como uma referência para também mudar de vida.

Desde 9 de abril de 2020, Davis está livre de drogas e frequentando o Pima Community College.

Vida com propósito

Diretor do Tucson Men’s Center, Klayton Forrest Kirkwood fez amizade com Davis durante seu programa e mais tarde o contratou como diretor de relações públicas, pois estava “maravilhado com o serviço generoso do homem”.

“Nick é um excelente exemplo de alguém que conheceu o Senhor de uma maneira mais profunda, e suas ações de amor excedem suas palavras”, diz Kirkwood, de 33 anos, que também tem um incrível testemunho do Desafio Jovem. “Ele diz aos alunos que ama e se importa e quer o melhor para eles o tempo todo. Mas se ele nunca dissesse isso, os homens saberiam que ele faz por suas ações.”

Davis também compartilha seu testemunho nas igrejas locais e oferece ajuda aos que estão nas ruas, por uma eterna gratidão pela misericórdia de Deus em sua vida e uma esperança sincera de que outros descubram essa liberdade.

Por Guiame

- Propaganda - spot_img

Últimas Noticias

- Propaganda -