Cristãos sofrem perseguição severa por seguir a Cristo

spot_img

Mais lidas

Portas Abertas relembra alguns dos principais fatos sobre a Igreja Perseguida em 2021

Após um ano em que uma pandemia pegou o mundo de surpresa, as pessoas tinham expectativas de que 2021 fosse melhor. Mas, para a Igreja Perseguida, notícias ruins vieram logo em janeiro, quando um pastor foi agredido no Sri Lanka e um outro líder cristão foi assassinado em Burkina Faso.

Também aconteceram ataques extremistas que resultaram em mortes e destruição de casas e propriedades de cristãos. Tudo isso mostrou que a perseguição aos cristãos aumentava mais uma vez. De acordo com os dados da Lista Mundial da Perseguição 2021, mais de 340 milhões de irmãos e irmãs enfrentavam pressão e violência por amor a Cristo.

Golpe militar em Mianmar

Igrejas são atacadas após manifestações contra o regime militar em Mianmar

No início de fevereiro, os militares de Mianmar detiveram a líder reeleita Aung San Suu Kyi e tomaram o poder. As mudanças políticas resultaram em diversas manifestações, muitas reprimidas com violência e com retaliações às igrejas locais. Alguns cristãos precisaram fugir e ficaram deslocados pelo país, outros morreram durantes os conflitos entre o exército e a Força de Defesa Popular.

Quatro anos do desaparecimento do pastor Raymond Koh

Acredita-se que pastor Koh tenha desaparecido porque compartilhava o evangelho com jovens muçulmanos

Em 13 de fevereiro, o sequestro do pastor Raymond Koh completou quatro anos. Diante de denúncias do envolvimento das autoridades no desaparecimento forçado, a Comissão de Direitos Humanos da Malásia (Suhakam) iniciou um inquérito público e concluiu que o braço especial da polícia do país estava envolvido no sequestro. A esposa e os filhos do pastor Koh ainda trabalham arduamente para solucionar o caso.

10 anos de guerra na Síria

Adultos, jovens e crianças voltam para cidades destruídas e tentam reergue-las 

No mês seguinte, em 15 de março, a guerra civil na Síria completou 10 anos. A violência resultou na morte de mais de 500 mil pessoas, em mais de seis milhões de refugiados no mundo e mais de seis milhões de deslocados no país.

Apesar do governo sírio ter recuperado alguns territórios, a área ao redor de Idlib ainda é controlada por forças opositoras, e há ataques frequentes do Estado Islâmico e de outros grupos extremistas.

Hanan, a esposa de Magid, morreu durante um ataque a uma igreja em Alexandria, no Egito

Durante a celebração da Páscoa, os cristãos perseguidos ao redor do mundo enfrentam mais pressão e violência. Muitos ataques em massa acontecem nesse período para que mais irmãos e irmãs sejam atingidos.

No Egito, a data provoca um misto de felicidade pela ressureição de Cristo, e de tristeza, pela morte de entes queridos. Magid perdeu a esposa Hanan durante um ataque extremista em Alexandria e vive o paradoxo de sentimentos na Páscoa, juntamente com os filhos ainda crianças.

De acordo com a LMP 2021, 4.277 cristãos foram presos por causa da fé em Cristo

Maio foi o mês do Domingo da Igreja Perseguida (DIP) 2021. Mais de 12 mil igrejas participaram do maior movimento nacional de oração pelos cristãos presos ao redor do mundo por amor a Jesus.

Os cristãos brasileiros organizaram o evento nas igrejas para mostrar a realidade dos irmãos e irmãs que vivem na Coreia do Norte, no Irã e na Eritreia. Não faltou criatividade para mobilizar crianças, jovens e adultos em prol da Igreja Perseguida.

Algumas congregações se reuniram presencialmente, outras preferiram manter o distanciamento e tiveram a comunhão virtual. Após o evento, os participantes tiveram acesso ao guia 30 dias de oração pelos cristãos presos.

40 anos do Projeto Pérola

Um barco com 20 tripulantes levou o maior carregamento de Bíblias em chinês para o país comunista

Em 18 de junho, o Projeto Pérola completou 40 anos. Em 1981, um milhão de Bíblias foram entregues para os cristãos locais em Shantou, China. Os exemplares da palavra de Deus foram contrabandeados por meio de uma embarcação chamada Gabriella e chegavam à praia por vários barcos de pesca.

Foram transportados 232 pacotes à prova d’água, cada um com uma tonelada — eram ao todo um milhão de Bíblias em chinês, uma carga de 232 toneladas. Muitos chineses em todo o país foram impactados pela ousadia de 20 homens obedientes a Deus.

Por Portas Abertas

- Propaganda - spot_img

Últimas Noticias

- Propaganda -